Conheça os obstáculos na dieta para uma alimentação saudável

  • outubro/2018
  • 2289 visualizações
  • Nenhum comentário
obstáculos na dieta

Manter a disciplina durante a dieta já foi um enorme desafio a quem queria emagrecer. Nos últimos anos, as pessoas passaram a contar com a “ajuda” das redes sociais, já que vencer o desejo de comer um doce, por exemplo, pode significar muitos likes. Não à toa, a internet está abarrotada de posts sobre foco, disciplina e superação – tudo isso relacionado a emagrecimento.

Esse movimento virtual reflete algo visto há tempos no mundo off-line. Basta ver as revistas que sempre publicam dietas e receitas que prometem rápida para de peso. O problema é que essas publicações, muitas vezes, disseminam informações sem o mínimo de segurança nutricional. Assim, o que poderia ser um incentivo a hábitos saudáveis acaba dificultando o trabalho dos profissionais de nutrição.

Uma pesquisa da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) publicada em 2002 analisou 112 revistas brasileiras que ofereciam conteúdos relacionados a dietas de emagrecimento. Entre os regimes, apenas um cumpria a quantidade mínima de nutrientes de forma segura. Além disso, o tempo das dietas era de, em média, sete dias – período insuficiente para uma perda de peso saudável.

As dietas low carb tornaram-se o tipo de regime mais pesquisado na internet pelos brasileiros em 2017, de acordo com a revista Saúde. A dieta propõe que se reduza ou até mesmo se eliminem os carboidratos das refeições, mas a verdade é que a restrição impacta diretamente no fornecimento de energia para o organismo. E não é só isso.

Um estudo publicado na revista The Lancet Public Health em agosto indica que o baixo consumo de carboidratos reduz a expectativa de vida. Isso acontece porque as substituições por proteína animal, por exemplo, aumentam as chances de doenças, conforme aponta a lista dos alimentos “condenados” pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A pesquisa, feita nos Estados Unidos, envolveu a participação de 15 mil pessoas ao longo de 25 anos.

Saiba mais sobre Intolerâncias Alimentares. Baixe agora o e-Book “FODMAPS: Um guia nutricional para acompanhamento de pacientes com intolerância alimentar”

Ameaças disfarçadas

Ao fazer o acompanhamento nutricional em refeitórios de empresas ou restaurantes, o nutricionista precisa adaptar o cardápio à verba disponível. Esse, que é um dos obstáculos na dieta, no entanto, pode ser vencido com um planejamento estruturado em busca de ingredientes e técnicas que contemplem tanto o valor nutricional quanto o financeiro das refeições.

A falta de informação também consiste em um dos maiores obstáculos na dieta saudável. Para instrumentalizar profissionais e a população em geral, o Ministério da Saúde lançou o Guia Alimentar Para a População Brasileira. As orientações do documento ajudam a eleger a substituição das fontes nutricionais respeitando o impacto financeiro para as famílias brasileiras e o consumo de   – que reduzem o gasto com transporte, fortalecem o produtor e auxiliam o meio ambiente.

Outro desafio à boa alimentação é a ampla oferta de alimentos diet e light, que oferecem a ilusão de autonomia ao consumidor (por acreditarem que não necessitam do acompanhamento nutricional) na hora de fazer as compras. Esses alimentos, em geral, são processados e refinados, características que também os colocam na lista da OMS.

Enquanto reduzem gorduras, açúcar e sódio em produtos dietéticos, eles também incluem conservantes e outros artifícios que substituem o papel desses ingredientes. Por isso, apenas o profissional de nutrição é capaz de orientar sobre obstáculos na dieta e quais produtos oferecem segurança alimentar dentro de cada plano alimentar.

Redação Secad
Matéria por

Redação Secad

O melhor conteúdo sobre a sua especialidade.

Tele-Vendas

(51) 3025.2597

Tele-Vendas Liga

Para você

Informações

(51) 3025.2550